quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Para proteger seu coração tenha cuidado com exercícios cardiovasculares em excesso

Qualquer atividade em excesso é prejudicial, até mesmo os hábitos saudáveis. Enquanto a maioria das pessoas não atingem a cota necessária de exercícios por dia, algumas acabam passando do limite do seu corpo.

O excesso de exercício, especialmente os cardiovasculares, como uma corrida de longa distância, pode ser algo particularmente problemático se você tiver uma doença cardíaca.


Sete sinais de que você pode estar exagerando:

Quando você executa um treinamento de alta intensidade, é de extrema importância alternar a frequência de suas sessões, para que seu corpo tenha tempo o suficiente para se recuperar. 

Caso contrário, o exercício será mais maléfico que benéfico.

Caso você faça exercícios mais do que três dias por semana, é recomendado que  não pratique exercícios de  alta intensidade  mais do que três vezes, devendo estes serem intercalados com dias mais leves, como uma caminhada, por exemplo.

Se você não tem certeza se está puxando demais nos seus treinos, esses sete sintomas, segundo o Dr. Joseph Mercola, podem ser um sinal de que você precisa desacelerar um pouco e permitir um descanso para o seu corpo:


  • O exercício lhe deixa exausto em vez de energizado.
  • Você fica doente facilmente (ou leva muito tempo para se recuperar de um resfriado)
  • Você fica triste com frequência.
  • Você é incapaz de dormir ou você não consegue dormir tempo o suficiente.
  • Você tem pernas e braços “pesados”
  • Você fica dolorido constantemente durante a semana. 
Acompanhamento médico é fundamental. 

Estes artigo foi baseado numa tradução livre do Dr. Mercola com o objetivo de chamar sua atenção para que preste atenção em seu corpo. Lembre-se que você é a pessoa responsável e que melhor pode conhecer seu corpo. 

Sempre faça execícios com o acompanhamento do seu médico clínico, de um profissional de educação física e para os casos de alta intensidade jamais dispense o acompanhamento de um cardiologista que poderá lhe orientar e adequar os melhores exercícios e as frequências cardíacas a serem atingidas com maior eficácia e segurança.
Postar um comentário