domingo, 17 de fevereiro de 2013

News


Responsabilidade Social  

Qual a diferença entre ciclofaixa e faixa compartilhada?

Hoje é dia de andar de bicicleta por São Paulo.
A lei Nº 14.266 que criou o sistema cicloviário na cidade, buscou fortalecer o uso de meios de transporte sustentáveis, regulamentando a construção de áreas próprias para circulação e parada de bicicletas.
Alguns termos foram incorporados à conversa das pessoas. Você conhece todos?
A seguir, listamos os que você precisa conhecer.  

• Ciclovias:
Pistas próprias para a circulação de bicicletas, separadas do tráfego de veículos e das calçadas. 
 • Ciclofaixas:
Faixa exclusiva destinada à circulação de bicicletas, utilizando parte da pista ou da calçada. 
• Ciclorrotas:
Locais sinalizados pela CET como melhores caminhos para se trafegar com sua bicicleta. São ruas mais tranquilas com relação às avenidas principais, que priorizam o uso das bicicletas. 
• Faixas compartilhadas:
Faixa que permite a circulação compartilhada de bicicletas com o trânsito de veículos motorizados ou pedestres. 
• Bicicletários: espaço público ou privado destinado ao estacionamento de bicicletas por períodos de longa duração. 
• Paraciclos: espaço em via pública destinado ao estacionamento de bicicletas, por períodos de curta e média duração.


 Fonte: site www.guiadedireitos.org, onde você tem a indicação dos locais das ciclovias em São Paulo. 
Postar um comentário